Concurso Público

MPE cobra novo edital para corporação!

O Ministério Público Estadual do Tocantins (MPE TO) e o Grupo Especial de Controle Externo da Atividade Policial (Gecep) entraram com uma Ação Civil Pública solicitando ao Estado um novo concurso para o Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins (CBM TO).

A realização de novo certame para a corporação é urgente! Segundo informações do Gecep, atualmente a carência de servidores na corporação é preocupante. Hoje, o déficit do CBM TO é de 1.228 profissionais.

De acordo com as determinações da Lei Estadual nº 3.038/2015, o total previsto para a corporação é de 1.772 bombeiros militares. A vacância de postos tem prejudicado o órgão até mesmo nas atividades fundamentais, como o atendimento de ocorrências.

A Ação Civil solicita a concessão de uma liminar obrigando o Estado a contratar uma banca organizadora para organizar a seleção no prazo máximo de 30 dias. O prazo para publicação do novo edital seria de 180 dias.

O último concurso realizado pelo Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins foi homologado em 2014. Porém, a validade do mesmo expirou em 2016, impossibilitando a convocação de excedentes. Dessa forma, o déficit da corporação só poderá ser suprido por meio de novo certame.

Concurso Bombeiros TO 2013

A última seleção teve o regulamento publicado em 2013, com oferta de 100 vagas. Todas as ofertas foram para a carreira de soldado, sendo 90 para candidatos do sexo masculino e 10 para o sexo feminino. O concurso Bombeiros TO 2013 foi organizado pela Consulplan.

As oportunidades, que exigiram ensino médio completo, requisitaram também idade mínima de 18 e máxima de 30 anos, além de altura mínima de 1,60m (mulheres) e 1,63m (homens).

O processo de avaliação dos candidatos constou de :

  • Prova objetiva e discursiva;
  • Exame de capacidade;
  • Avaliação psicológica;
  • Exames médicos e odontológicos;
  • Investigação social.

Aprovados em todas elas foram convocados para matrícula no Curso de Formação. A remuneração inicial ofertada foi de R$ 3.228,28.

O exame objetivo foi constituído de 60 questões de múltipla escolha. A avaliação contou com questões de diversas disciplinas, a saber: Raciocínio Lógico, Língua Portuguesa, Atualidades e Conhecimentos Regionais, Normas Pertinentes ao CBM TO e Noções de Informática.

Para obter aprovação os candidatos tiveram que fazer, no mínimo, 50% dos acertos da avaliação objetiva. Na prova discursiva, o mínimo necessário foi 30% dos pontos totais.

As provas escritas foram aplicadas nos municípios de Palmas, Gurupi e Araguaína. Contudo, as demais etapas ficaram restritas à cidade de Palmas.

Acesse todas as regras no Edital concurso Bombeiros TO 2013.

edital-concurso-bombeiros-to-2013



About the author

AgenciaJapi

Comentar

Click here to post a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *